top of page

Golpes contra aposentados

Cada vez mais os estelionatários investem suas forças contra aposentados, pensionistas e idosos. Os golpes apresentam nova roupagem e os malandros contam ainda com a ingenuidade de muitas vítimas, que insistem em acreditar em pessoas estranhas, que conhecem nas ruas ou até mesmo através de ligações telefônicas. Desta forma, passarei a alertar os leitores da terceira idade sobre as novas armadilhas: 1)Golpe do empréstimo: criminosos descobriram que não é tão difícil requerer empréstimo em nome de pessoa aposentada. No entanto, para efetivação da farsa, necessitam dos dados pessoais do idoso. Telefonam ou vão até a residência do aposentado, alegam que o INSS está presenteando todos os segurados com um filtro de água. Para tanto, solicitam a documentação original da vítima e ainda pedem para que assine o recibo da instalação do aparelho, que na verdade são documentos autorizando o empréstimo consignado. 2)Golpe do pecúlio: o malandro telefona ao idoso dizendo ser advogado e explica que ele tem direito a receber um pecúlio atrasado. A vítima fica interessada em receber a bolada, mas acaba dando dinheiro ao estelionatário, para suposto pagamento de custas. 3)Golpe do processo: o segurado, ao sair da Justiça Federal, é abordado por pessoa que se diz consultor jurídico, que afirma poder acelerar seu processo no fórum. A vítima acredita na falsa promessa e acaba pagando honorários ao falso advogado. 4)Golpe do Loas: pessoa uniformizada, dizendo-se funcionário do INSS, convence a dona de casa que ela tem direito ao benefício da lei orgânica de assistência social (Loas). Além de pagar a taxa indevida, a vítima dá ao golpista xérox de seus documentos. 5)Golpe do bonzinho: o marginal percebe que um idoso está com dificuldade de sacar dinheiro do caixa automático e oferece ajuda. O cliente aceita agradecido e não percebe que durante o procedimento o malandro trocou o cartão magnético e ficou sabendo sua senha. Portanto, faço um alerta aos amigos da terceira idade: evitem conversar com estranhos na rua ou pelo telefone, no caso de dúvida, peçam esclarecimentos diretamente a funcionários do INSS ou de seu banco.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Novo roteiro do falso sequestro por telefone

Tenho alertado, insistentemente, o amigo leitor, sobre os cuidados necessários ao se atender telefone fixo ou celular, pois a quantidade de golpes a que se está sujeito é impressionante, e a cada dia

Novo Crime: "Big Brother" via celular

O aparelho eletrônico mais vendido no Brasil é o telefone celular. Seu uso é extremamente democrático; foi adotado por pessoas de todas as faixas etárias e classes sociais. Crianças com 10 anos ou men

Nova estratégia do falso sequestro

A presente matéria é um alerta para os leitores que possuem telefones celulares. O golpe do "falso sequestro", que já fez milhares de vítimas em todo Brasil, tem sido remodelado, constantemente, pelos

bottom of page