top of page

Mais um golpe contra idosos

Muitos estelionatários têm escolhido os mais idosos, para vítimas de seus golpes e armadilhas ardilosas. Portanto, toda atenção ainda é pouco. Conheça a mais nova modalidade criminosa, que já fez dezenas de pessoas da terceira idade terem sérios prejuízos financeiros. Mulher com fala educada liga para residência de idoso e identifica-se como funcionária do Banco no qual ele tem conta. Explica que seu cartão magnético será substituído por outro de maior segurança e solicita que agende horário nas próximas 24h, pois um gerente irá levar em mãos o novo cartão. De acordo com o agendamento, surge homem bem aparentado, vestindo terno discreto e portando crachá do banco. A vítima não desconfia de nada e permite a entrada do tal gerente, que porta envelope timbrado do Banco. Depois de tomar cafezinho, o malandro pede que o idoso pegue seu cartão de débito e uma tesoura para inutilizá-lo. Hábil é rápido com as mãos, o espertalhão troca o cartão e o destrói com a tesoura. Para finalizar, o gerente de araque pede, para liberar o novo cartão magnético, que a vítima digite a senha em uma máquina eletrônica. Em poder do cartão de débito do idoso e em posse da senha, o golpista irá promover enorme prejuízo na conta bancária. Uma senhora de 78 anos revelou ao Delegado de Polícia plantonista, ao registrar Boletim de Ocorrência, que sofreu prejuízo de R$ 20 mil, pois até empréstimos fizeram em sua conta. Portanto, é importante ficar extremamente alerta ao receber telefonema de pessoas que se identifiquem como sendo de bancos, INSS, Justiça e etc. Não é de praxe por parte de órgãos públicos e instituições financeiras o uso de telefone como forma de prestar algum tipo de atendimento. Lembre-se que você não conhece a pessoa que está do outro lado da linha; a possibilidade de ser golpista é enorme. Jamais acredite de bate-pronto. Peça o maior número de dados de tal pessoa; tais como: nome completo, local de trabalho, endereço e telefone de onde trabalha. Depois ligue para o telefone PABX do local e procure saber se o funcionário existe e se pode falar com ele, para ter certeza que é a mesma pessoa que lhe telefonou.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Novo roteiro do falso sequestro por telefone

Tenho alertado, insistentemente, o amigo leitor, sobre os cuidados necessários ao se atender telefone fixo ou celular, pois a quantidade de golpes a que se está sujeito é impressionante, e a cada dia

Novo Crime: "Big Brother" via celular

O aparelho eletrônico mais vendido no Brasil é o telefone celular. Seu uso é extremamente democrático; foi adotado por pessoas de todas as faixas etárias e classes sociais. Crianças com 10 anos ou men

Nova estratégia do falso sequestro

A presente matéria é um alerta para os leitores que possuem telefones celulares. O golpe do "falso sequestro", que já fez milhares de vítimas em todo Brasil, tem sido remodelado, constantemente, pelos

bottom of page