top of page

Não faça depósito por causa de simples mensagem

Preste atenção no relato que recebi de uma vítima, moradora na cidade de São Paulo, pois serve como importante alerta:

“Recebi pela manhã uma mensagem pelo whatsapp de meu filho (com foto) avisando que tinha mudado seu telefone. Imediatamente cadastrei e passei a me comunicar com ele através desse novo número. Com linguajar correto e apreensivo, ele pedia depósito em conta de um terceiro, isso por conta de dificuldades momentâneas que passava. Realizei o depósito através do aplicativo do banco XXXX, no valor de R$ 3.800,00. Telefonei em seguida para meu filho mas ele não atendeu a ligação. Soube mais tarde que dormia por conta de indisposição. Pouco depois chega novo pedido de depósito, fato que me deixou muito preocupada porque eu ainda não tinha conseguido contato com meu filho. Confusa, sem entender a situação, entrei no app do meu Banco pelo celular e fiz outro depósito, agora no valor de R$ 12.980,00 para outra conta. Após duas horas meu filho fez outro pedido de depósito urgente, apesar de ainda não aceitar minhas incessantes ligações. Muito preocupada, resolvi ir à casa dele, quando então descobri que ele estava dormindo. Ele contou que se recuperava de mal estar após comer algo. Nesse momento percebi que havia sido vítima de golpe”.

Amigo leitor, jamais atenda qualquer pedido via internet sem antes falar com a pessoa que, supostamente, está em apuros. Não se precipite. O golpe narrado é o mais aplicado atualmente no Brasil. Portanto, todo cuidado é pouco. Sem falar com o ente querido, jamais realize depósito. E o ideal é que o contato seja pessoal, para você ter certeza absoluta que não está sendo ludibriado

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Novo roteiro do falso sequestro por telefone

Tenho alertado, insistentemente, o amigo leitor, sobre os cuidados necessários ao se atender telefone fixo ou celular, pois a quantidade de golpes a que se está sujeito é impressionante, e a cada dia

Novo Crime: "Big Brother" via celular

O aparelho eletrônico mais vendido no Brasil é o telefone celular. Seu uso é extremamente democrático; foi adotado por pessoas de todas as faixas etárias e classes sociais. Crianças com 10 anos ou men

Nova estratégia do falso sequestro

A presente matéria é um alerta para os leitores que possuem telefones celulares. O golpe do "falso sequestro", que já fez milhares de vítimas em todo Brasil, tem sido remodelado, constantemente, pelos

bottom of page